Pesquisa personalizada

Curiosidades dos Anos 80!!!

Posted: sábado, 11 de julho de 2009
Relembrando os bons e velhos anos 80! Algumas curiosidades:

• "Perdidos na noite", que Fausto Silva estreou em 1984, iria se chamar "Barrados no baile". Mas na época Eduardo Dusek quis cobrar 10 milhões de cruzeiros pelos direitos do título e a produção não topou.

• MacGyver já deteve um vazamento de ácido sulfúrico com uma barra de chocolate, desarmou um míssil usando clipes de papel e sabotou um sinal de trânsito com cartões de crédito.

• Ozzy Osbourne não comeu nenhum morcego no Rock in Rio. Bem que jogaram uma galinha no palco, mas o cantor foi até a intrusa, pegou-a nas mãos e a entregou a um roadie, para frustração dos metaleiros carniceiros.

• Os três maiores vencedores do "Qual é a música?" foram Ronnie Von (25 vitórias), Silvio Brito (24) e Gretchen (23). Mas o cantor Nahim brigou na Justiça para ser reconhecido como o maior ganhador.

• Cinco atores fizeram o Bozo, na TVS, nos 11 anos em que o programa foi exibido, entre 1980 e 1991. Alguns deles, simultaneamente, já que houve um período em que o palhaço entrava no ar, ao vivo, durante oito horas e meia, de segunda a sábado. Luís Ricardo, que mais tarde virou jurado do "Show de calouros", foi o mais famoso deles.

• O destino dos Menudos da formação mais famosa: Robby virou ator e agora voltou a ser cantor, Charlie é galã de novelas mexicanas, Roy trabalha como corretor de imóveis, Ray é locutor e dono de uma casa noturna em Porto Rico, e Ricky foi o que se deu melhor: virou Ricky Martin.

• Bastavam 15 minutos no congelador para o Ice Pop ficar pronto. Mas isso só funcionava no comercial da TV.

• No terceiro disco da Xuxa, diziam que se girasse ao contrário a música "Ilariê" ouvia-se uma mensagem do demônio. Muita gente arrebentou a vitrola para conferir.

• A Chiquinha, do "Chaves", tinha 13 pintinhas no rosto.

• O cubo mágico foi lançado em 1981 e vendeu dois milhões de unidades no Brasil. Ele tinha 43 quinquilhões, 252 quatrilhões, 3 trilhões, 274 bilhões, 489 milhões e 856 mil combinações diferentes, mas havia gente que conseguia montá-lo em menos de 30 segundos!

• "Dois hambúrgueres, alface, queijo, molho especial, cebola e picles num pão com gergelim". Em 1988, quem falasse o jingle do McDonalds em menos de 5 segundos numa das lanchonetes da rede ganhava uma Coca-Cola.

• O time e os números na camisa da geração de prata do vôlei brasileiro: Bernardinho (1), Xandó (2), Badalhoca (3), Montanaro (4), Ruy (5), Renan (6), William (7), Amauri (8), Marcus Vinícius (9), Domingos Maracanã (10), Bernard (12) e Fernandão (14).

• A primeira vez que Bernard deu o saque Jornada nas Estrelas foi num jogo contra a União Soviética, válido pelo Mundialito de Vôlei, no Maracanãzinho lotado, em setembro de 1982. O saque atingia 25 metros de altura e a bola descia a uma velocidade de 72km/h.

• Leoni deixou o Kid Abelha em fevereiro de 1986, depois de uma discussão com Paula Toller, sua ex-namorada, no camarim de um show. A cantora acertou um pandeiro no rosto do baixista e ele largou o grupo para fundar o Heróis da Resistência.

• Em "Guerra dos sexos", Otávio (Paulo Autran) e Charlô (Fernanda Montenegro) eram primos, se detestavam e só se chamavam pelos apelidos de infância: Bimbo e Cumbuca.

• O saquinho rosa e vermelho do Minichicletes Adams, com um boneco sorrindo, trazia 155 minipastilhas.

• As meninas usavam: tule no cabelo, bermuda jeans da Dimpus, mochila da Cantão 4 ou da Company e batom 24 horas, que não saía nem com sabão.

• Os meninos usavam: Kichute amarrado na canela, bermuda da OP, camiseta Hang Loose e chaveiro de borracha da K&K em forma de pé-de-pato.

• E todo mundo usava: carteira emborrachada e relógio Champion que vinha num estojo com sete pulseiras coloridas.

• A "Playboy" com Hortência, a estrela do basquete brasileira dos anos 80, esgotou em apenas sete dias. Mais rápido do que a histórica revista de Luciana Vendramini, que levou dez dias para sumir das bancas.


E uma música dos anos 80!

0 comentários:

________________________________

So far or so it seems
All is lost with nothing fulfilled
Off the pages and the T.V. screen
Another world where nothing's true
Tripping through the life fantastic
Lose a step and never get up
Left alone with a cold blank stare
I feel like giving up
I was blinded by a paradise
Utopia high in the sky
A dream that only drowned me
Deep in sorrow, wondering why

Oh come let us adore him
Abuse and then ignore him
No matter what, don't let him be
Let's feed upon his misery
Then string him up for all the world to see

I'm sick of all you hypocrites
Holding me at bay
And I don't need your sympathy
To get me through the day
Seasons change and so can I
Hold on Boy, no time to cry
Untie these strings, I'm climbing down
I won't let them push me away

Oh come let us adore him
Abuse and then ignore him
No matter what, don't let him be
Let's feed upon his misery
Now it's time for them to deal with me



Pesquisa personalizada